13 modos dolorosos de morrer que você nunca ouviu falar

Morrer parece uma ideia assustadora, mas dependendo do modo pelo qual isso acontece, pode se tornar uma ideia muito pior!

1. Escafismo

Mithridates, um soldado, foi condenado a morrer via escafismo. Ele era colocado em um local e forçado a comer uma mistura de leite e mel, mistura que também era derramada sobre seu rosto e cabeça. Insetos de vários tipos eram atraídos pela mistura de leite e mel e pelas suas fezes. As moscas entravam em suas entranhas, então ele era comido até a morte por insetos no interior e  exterior ao mesmo tempo.

Levava cerca de 17 dias para a pessoa morrer.

2. Execução pelo elefante 

Na era Mughalm na Índia, os elefantes eram usados para esmagar as pessoas até a morte. Os elefantes eram utilizados para torturar uma pessoa, ou às vezes a pessoa era amarrada ao animal e arrastada até a morte conforme o elefante andava. Em alguns casos, os elefantes eram equipados com pás e treinados para cortar as pessoas em pedaços.

3. Comido por animais 

Você pode ter ouvido falar da tortura que envolvia suspender uma pessoa em uma uma árvore ou forca até morrerem. Ela acabava morrendo de fome; no entanto, pássaros e animais iam pegando a carne da pessoa presa até a morte.

4. Dilacerando-se

Um dos fundadores dos Estados Unidos, Gouverneur Morris, tinha uma obstrução no trato urinário. Em uma tentativa de removê-lo, ele forçou um pedaço de osso de baleia dentro de si e dilacerou tanto suas entranhas que foi fatal.

5. Cair em um vulcão 

O pesquisador de vulcões Richard Roscoe tentou descobrir o que aconteceria se uma pessoa caísse em um vulcão. Uma vez que a lava é densa, havia uma possibilidade de  você ficar na superfície, em vez de afundar. Ele descobriu que se você cair do alto o suficiente, você penetra na crosta e consegue submergir e, embora seja uma morte mais rápida, certamente não soa como algo agradável.

6. Ter seus órgãos internos queimados através do ânus

Há rumores de que o rei Eduardo II teve um ferro hiper-quente inserido pelo seu ânus, queimando seus órgãos internos e não deixando nenhum vestígio. Embora os historiadores não acreditam que isso seja verdade, se aconteceu ou não, é uma maneira horrível de morrer.

7. Morto por robôs 

O operário Kenji Urada ia fazer um trabalho de manutenção em um dos robôs na fábrica Kawasaki. Infelizmente, ele não desligou corretamente o equipamento, e o braço hidráulico do robô, incapaz de sentir que ele estava lá, o imobilizou contra uma máquina de moagem até a morte.

8. Necklacing

Necklacing é uma forma de execução que envolve colocar um pneu cheio de gasolina em torno de uma pessoa e atear fogo.

Ele foi originalmente usado nos anos 80 e 90 no apartheid da África do Sul, como uma punição aos colaboradores do regime, mas se espalhou para outras partes do país como um método de execução torturante.

9. Ficar preso dentro de um forno industrial e morrer queimado 

Em outubro de 2012, o trabalhador Jose Melena estava realizando manutenção dentro de uma das panelas de pressão industriais da fábrica, quando seus colegas de trabalho acidentalmente o bloquearam e ligaram o forno.

 

10. Envenenado por gás sarin

Você já teve dificuldade para respirar? Muito desagradável, certo? Agora pegue isso e adicione vómitos, diarreia, espasmos musculares e convulsões e é assim que se sente ao morrer lentamente ao inalar o gás sarin.

11. Vazamento radioativo colossal 

Durante um acidente industrial, Hisashi Ouchi foi exposto a mais radiação do que o hipocentro do bombardeio de Hiroshima. Por 83 dias, ele viveu em uma cama de hospital passando por transplantes de pele conforme seus fluidos corporais vazavam através de seus poros. Ele acabou morrendo devido a insuficiência cardíaca.

Veja também: Isso é o que a radiação pode fazer com o corpo humano

12. Descompressão explosiva 

Mergulhadores que trabalhavam na plataforma de perfuração Byford Dolphin estavam em uma câmara de descompressão, quando houve uma descompressão explosiva repentina. Um dos mergulhadores, que estava perto da porta quando aconteceu, foi sugado através da porta e gravemente mutilado. A autópsia também mostrou que a descompressão fez seu sangue ferver.

13. Águia de Sangue

Esta é uma forma Viking da execução ritual que envolvia esculpir o corpo de alguém para expor a sua coluna vertebral, em seguida, rasgar suas costelas de sua coluna e puxar para fora, tornando os pulmões semelhantes a uma águia.

Veja mais aqui: http://misteriosdomundo.org/
ff

Veja também

loading...